10 Tribal Fusion Bellydance - Dark Fusion



E olha eu por aqui, novamente!

Dessa vez eu não vim falar sobre maquiagem, mas pela minha outra paixão, a dança.
Pra quem não sabe, eu sou bailarina e professora de Dança do Ventre e Dança Tribal, e vim aqui pra falar pra vocês sobre o Dark Fusion.

O tribal tradicional teve início com Jamila Salimpour e seu grupo Bal Anat, nos anos 60, e misturava diversos aspectos do folclore e danças do Oriente Médio em um só show, com uma grande dose de dança do ventre. Por utilizar trajes cheios de elementos tribais e ter um visual extremamente étnico, foi o primeiro estilo a ser denominado “tribal”.

American Tribal Style

Uma das alunas de Jamila, chamada Masha Archer, começou a dar aulas e a acrescentar coisas que lhe agradavam, tirando aspectos dos quais não gostava na dança que lhe foi ensinada. Masha montou sua companhia, da qual passou a fazer parte suas alunas.

Depois de alguns anos na companhia, também começou a dar aulas e acrescentar suas próprias idéias ao estilo, criando o que conhecemos hoje por ATS (American Tribal Style) ou Estilo Tribal Americano. Do ATS nasceu o tribal fusion, que originou diversos sub-estilos, dentre eles, o mais popular, Urban Tribal, onde as bailarinas mudam suas vestes e passam a dançar como solistas. Dentro do Urban Tribal, vemos as diversas fusões que existem nos dias de hoje, como Burlesque, Celtic e o Gothic.

O GothicTribal Fusion ou Dark Fusion, tem pelo menos na maioria dos casos, a preocupação de conservar elementos fundamentais e originais da cultura gótica, com artistas que desenham suas performances com calma e exatidão sinuosa, à exemplo da maravilhosa Ariellah (líder da Deshret Dance Cie, e cuja a honra eu tive como professora), e da Sashi esta última já utilizando de um conteúdo mais performático e teatral em suas performances, se orientando por um tempo difuso, guiado pela suavidade dos belos movimentos de suas mãos.


Os maiores nomes do Tribal Fusion Internacional

A dança mistura tendências vindas da compreensão do lado obscuro da realidade, do incompreendido, é fruto daquilo que não se pode ver, do que está na sombra e por isso é sempre surpresa e gera tensão, pois é justamente nas sombras que se faz e se gere a sua paixão de ser, a sombra encobre... Aquilo que se quer desvendar, o desejo de mudar, talvez por essa razão que a sombra sempre foi o grande artifício dos artistas e na dança não é diferente.

Dark Fusion, me atrevo a dizer é beleza das danças das sombras!


Eu em algumas apresentações, seguindo o Estilo Dark Fusion 

Já fiz aula com algumas Bailarinas Tribais Internacionais, e quando tive a honra de conhecer a Ariellah, ela disse uma coisa que acho que define tudo: 

“Se você não é gótico, não vivencia a cultura, não adianta querer fazer uma dança Gótica. Dark Fusion é o seu estilo, ele vem de dentro, não é apenas algo visual”.

Momento Emocionante, Ariellah e eu em alguns dos nosso encontros


Resumindo, gosto de dizer que o Tribal é tudo aquilo que pode ser expresso, canalizado e difundido dentro de uma dança oriental.



Espero que vocês tenham gostado do Post. Agora entendem de onde vêem o meu fascínio por essa arte, né?!


Bjs, Mel.

Fonte de Pesquisas: Divagações Tribais e Aquarius Tribal Fusion.



10 comentários :

  1. Melina, que lindo!

    Não conhecia essa dança, é maravilhoso!

    Você tá linda nas fotos! Nossa! Que tudo!

    ResponderExcluir
  2. Já tinha assistido um video uma vez, mas não conhecia a fundo. Gostei do post!

    ResponderExcluir
  3. Adorei a matéria!

    Acho lindo dança do ventre, e agora sim entendo melhor seu estilo.

    Bjokas

    ResponderExcluir
  4. Adorei as danças, eu nunca tinha ouvido falar na dark fusion nem nas tribais, mas já pensei em fazer dança do ventre, você tem algumas dicas a mais pra quem quer iniciar nesse meio ?
    Um beijo

    www.asdozebadaladas.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aconselho iniciar pela dança do Ventre, pois o tribal é uma fusão da dança do ventre, não adianta muito você aprender a fusão sem saber o que é a raiz, entende?!?!
      Depende muito do lugar onde você mora para eu lhe indicar uma escola, mas em todo lugar tem excelentes profissionais.
      Para acompanhar suas aulas, aconselho baixar dvds de aulas de tribal.
      Você vai adorar. Boa sorte e depois me conta.
      Bjs.

      Excluir
  5. Lindo demais! Me deu até vontade de aprender!

    ResponderExcluir
  6. Ah Melina, queria pedir pra ver se você podia fazer dois tipos de tutoriais, um mostrando como usar batom em degradé, que eu acho lindo demais e outro mostrando como fazer um olho realmente preto, tipo como deixar preto que só a morte, rs;
    E sem dúvidas amei seu post de dança.
    xoxo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anotado, Valéria!
      Tutoriais de lábios já estão nas minhas próximas listas!
      Bjs.

      Excluir
  7. Parabéns Melina, Adoro tribal , principalmente dark fusion.
    Aprendo com a Gabriela Miranda e a cada dia amo mais essa fusão! *_*

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Beauty Rock © - Todos os direitos reservados. Design por Adália Sá . Tecnologia do Blogger